espaço-1280x490.png

As regras impostas pela sociedade, o condicionamento familiar, as instituições onde fomos educados e todas as nossas experiências sempre nos mostraram que não é seguro ser quem somos de verdade, por detrás das camadas nossa personalidade. Mas e se eu te disser que é possível viver e expressar as tua verdade, abraçar o teu poder inato e ser quem realmente és, na tua unicidade?

Num passado não muito longínquo, também eu tive partes de mim mesma escondidas que queriam muito ser vistas e ouvidas, mas a verdade é que eu não sabia como as ver ou escutar. Não sabia por onde começar.

Um dia, depois de atravessar um momento mais difícil, deparei-me com uma prática simples que me permitia criar espaço: espaço dentro de uma estrutura mental bem calcificada, espaço onde pudesse silenciar o macaquinho que todos temos dentro da nossa mente, espaço para que as partes mais ocultas dentro mim pudessem começar a se manifestar, conectando-me com a minha consciência maior. Comecei a sentir essas partes mais profundas de mim de uma forma que era maior do que as palavras – como uma energia ou um sentimento expansivo cheio de significado.

O início da minha caminhada de despertar foi feita individualmente e a cada dia era reforçada com a minha prática de meditação. Muitas vezes sentia que este processo individual de desenvolvimento pessoas era lento, e muitas vezes confuso. Até que, quase sem saber como, conheci um grupo de pessoas que, como eu, também criava espaço para si, e com elas iniciei uma prática semanal de meditação em grupo, um espaço seguro onde tive a possibilidade de partilhar a minha experiência de despertar. Escutar as experiências de outras pessoas permitia-me validar as minhas questões internas, e dissipar muitas das dúvidas que ia sentindo. Com este grupo de prática e partilha, validei as minhas crenças sobre o processo de despertar da consciência, ao mesmo tempo que me conectei com outras ferramentas que me iriam permitir mergulhar mais profundamente, e aceder com maior clareza a todas as mensagens que a minha intuição me enviava.

Este capítulo da minha história foi o que me inspirou a criar as turmas de Meditação no Coração, um espaço seguro onde podes iniciar ou reforçar a tua prática de meditação. Muito para além de Meditações guiadas, nestes grupos, que já vão na 5ª edição, ofereço-te algo que para mim foi essencial, a criação de espaço para te ouvires, para acalmar a ansiedade e para desacelerar. Um espaço para expandires a tua consciência sobre ti e sobre a tua natureza. Um espaço para seres simplesmente quem és.

orinam