A Saúde do Intestino _ Ligação intestino/ cérebro

Junho 30, 2020by orinam0
intestino-1280x490.png

A ligação entre o nosso intestino e o cérebro é definida desde cedo, antes do nascimento até os dezoito anos, através das nossas interações com o mundo – com as influências dos factores psicossociais, com a alimentação e com os produtos químicos presentes nos alimentos (incluindo antibióticos, aditivos alimentares, adoçantes artificiais, entre outros).

O início de vida, desde antes do nascimento até os três anos de idade, é um período particularmente crucial para a formação da flora intestinal. O microbioma e os circuitos cerebrais ainda estão em desenvolvimento, por isso qualquer mudança durante este período tende a persistir por toda a vida. Nesta fase, todas as sensações intestinais e os sentimentos emocionais associados são registados.

Ao longo da vida adulta, tanto o que comemos quanto o que sentimos, exerce uma enorme influência nas ligações químicas que os micróbios intestinais têm com outros agentes-chave do intestino: células do sistema imunológico, células que contêm hormónios e serotonina, terminações nervosas sensoriais e muito mais .

O ecossistema do nosso intestino é o responsável pelo envio de muitos sinais para o cérebro, influenciando o apetite, a tolerância ao stress, os nossos sentimentos e as nossas tomadas de decisão.

As consequências de uma alteração na conexão intestino-cérebro podem manifestar-se apenas mais tarde, quando a diversidade e a resiliência da microbiota intestinal diminuem, aumentando o risco de desenvolvimento de distúrbios cerebrais degenerativos, como Alzheimer ou doença de Parkinson.

orinam