A Saúde do Intestino _ Síndrome do Intestino Irritável

Junho 25, 2020by orinam0
intestino-1280x490.png

 

A síndrome do intestino irritável é a resposta a uma irritação no corpo, impossibilitando a correta absorção de nutrientes e comprometendo o sistema imunológico.

E o que causa essa irritação?

– Medicamentos e antibióticos

– Stress

– As hormonas encontradas nos alimentos

– Diferentes químicos e pesticidas

– Produtos de limpeza doméstica

– A genética também pode ter uma influência negativa no ecossistema do intestino.

Um intestino saudável actua como uma barreira de proteção entre os intestinos e a corrente sanguínea, permitindo que os nutrientes circulem até aos nossos órgãos, prevenindo a contaminação de organismos patogénicos. Quando o ecossistema intestinal está em desequilíbrio, existe uma inflamação que causa a hiperpermeabilidade do tecido e do revestimento dos intestinos. Com a hiperpermeabilidade do intestino, resíduos de alimentos não digeridos, toxinas, bactérias e fungos começam a ser libertados na corrente sanguínea, e é aí que ocorrem os danos nas funções do cérebro e de outros órgãos vitais. A sobrecarga do fígado é uma das consequências, que impossibilitado de filtrar o elevado número de toxinas, acaba por as descarregar na corrente sanguínea.

Os resíduos libertados na corrente sanguínea são aquilo que aciona a resposta do sistema imunológico, que tenta combater estes “invasores”. Alguns destes resíduos são prejudiciais para o funcionamento do nosso organismo, mas outros não, como as partículas dos alimentos. Ocupado com esta gestão difícil, o sistema imunológico fica incapacitado de dar resposta a outros processos inflamatórios que possam estar a acontecer paralelamente noutros sistemas.

A libertação de endotoxinas na corrente sanguínea dá origem a uma resposta imune do sistema imunológico, uma inflamação sistémica que determina que o corpo comece a atacar-se a si mesmo. É desta forma que surgem as doenças autoimunes, a obesidade ou a resistência à insulina. Este é um estado crónico de inflamação.

A expressão “intestino permeável” tem vindo a ser alvo de uma crescente atenção nos blogs médicos e nos meios de comunicação social. O intestino com permeabilidade intestinal aumentada é algo que só muito recentemente foi comprovado cientificamente, apesar de não ser uma nova condição de saúde. Alguns estudos demostram que o intestino com permeabilidade pode estar associado a outras doenças autoimunes (lúpus, diabetes tipo 1, esclerose múltipla), síndrome da fadiga crônica, fibromialgia, artrite, alergias, asma, acne, obesidade e até doenças mentais.

Uma dieta rica em fibra e não processada, que inclua alimentos que ajudem a controlar a inflamação, e a eliminação dos alimentos que desencadeiam a inflamação podem ajudar a reconstruir o revestimento intestinal, e trazer mais equilíbrio para a microbiota intestinal.

Se sentes que podes sofrer de alguma destas condições, fala comigo, talvez tenha uma solução para o teu caso!

 

orinam